4 Lições valiosas que aprendi morando sozinha e levo pra vida.

Meu desejo de morar sozinha veio desde muito nova. Quando eu tinha 6 anos eu já ficava sozinha em casa à noite porque era só eu e minha mãe e ela fazia plantão (enfermeira) para conseguir nos sustentar. No fundo eu acho que ela já estava me educando para aprender a me virar sozinha.

Com 13 anos, eu já pesquisava apartamentos na internet, sonhando em ter minha independência, privacidade e meu cantinho. Morar sozinha se tornou um grande sonho, pois era a representação da minha liberdade que sempre foi algo que valorizei muito. Aos 20 anos, tive a oportunidade de morar com uma amiga, e depois de um tempo, ela decidiu ir embora e fiquei sozinha.

Então, o que era um sonho, se tornou também, um grande aprendizado. Percebi que algumas coisas me ajudavam não apenas com a casa, mas também na minha vida como um todo, então juntei algumas das diversas coisas que aprendi para passar pra quem também sonha com isso e quem sabe contribuir de alguma forma:

 

1- Você não precisa saber tudo.

dica11.gif

Acredite se quiser, você não precisa saber cozinhar, matar barata, lavar roupa, ou qualquer outra coisa para morar sozinha(o).
Sabe por que? YouTube e Google te ensinam quase tudo! (mas é importante que você tenha internet senão não rola :). Eu morria de medo de dar esse grande passo por não saber fazer as coisas dentro de casa, (nem arroz eu sabia fazer) pois minha vó sempre soube fazer tudo (trocar chuveiro, martelar as coisas, consertar o carro, cozinhar, etc) então eu não precisava me preocupar com isso. Maaaaas, a vida sozinha te força a aprender algumas coisas (que no fundo é bem legal) e sério, tudo que eu preciso saber, eu aprendo. Isso me trouxe uma coragem absurda para realizar as coisas que eu quero, até trocar meu chuveiro foi prazeroso pra mim, foi uma conquista! Lâmpada então? Fichinha.

Então, se você realmente quer, você é capaz de aprender QUALQUER coisa, nunca se esqueça disso. 

 

2- Estude sobre educação financeira.

 

dica2

Ahh, esse é o conselho que eu quero dar pro MUNDO. Estudar educação financeira não significa que você vai ser um economista ou investidor (se quiser também, sem problemas) mas que você vai saber planejar bem seu dinheirinho.
                                                                                                                                                                                          
E por quê eu falo isso? Quando fui morar sozinha, eu tinha o perfil de consumista inconsciente (sabe aquela pessoa que compra sem saber o pq?) e me deparei com vários problemas no apartamento logo de início (encanamento, eletrodomésticos, vazamentos e etc), e adivinha só?
Me ferrei muito, acabei gastando muito mais e eu ainda estava na faculdade (tinha os gastos de lá) e me deparei com um momento muito difícil para mim, me vi pela primeira vez em uma dívida (cartão).

Cheguei um dia em casa e tive que encarar isso de frente.
Peguei meu caderno, anotei todas as contas (fixas, variáveis, juros do cartão e etc). E percebi que não tinha jeito, teria que pegar um empréstimo com o banco (não era um valor muito alto, mas eu nunca tinha passado por isso). Hoje eu vejo que eu podia ter pedido ajuda para minha família e amigos, mas eu pensei “poxa, morar sozinha foi uma escolha minha, tenho que me responsabilizar por isso”.
Enquanto eu planejava uma forma de resolver essa situação, eu fiz uma promessa, para mim mesma; eu NUNCA mais ficaria negativa! E assim eu fiz, paguei todo o empréstimo, fiz e faço grana extra todo mês e ainda invisto meu dinheiro, além de estudar o mundo das finanças (que eu gosto muito), dedico um dia na minha semana para cuidar do meu dinheiro; planejar, investir e nunca mais me permiti ficar no vermelho.

Eu aprendi da forma mais difícil, mas você não precisa aprender assim, e calma, não estou dizendo que você precisa de uma super reserva para morar sozinha (eu não tinha nada quando fui) mas aconselho que tenha pelo menos uma graninha guardada porque pode ser que sua casa precise de reparos e não é legal ser pego de surpresa.


3- Atenção à saúde e alimentação.

dica3.gif

Uma das coisas complicadas de morar sozinha é que você está SOZINHA. Ou seja, quando você fica doente, não tem ninguém lá pra te ajudar, (eu tenho vizinhos maravilhosos, mas eu não me sinto bem incomodando eles a não ser que seja muito grave) então, você precisa se manter, quase sempre bem, porque se acontecer algo, provavelmente não terá ninguém lá pra te ajudar. É muito difícil eu ficar doente, tenho uma ótima imunidade, mas já passei alguns perrengues do tipo; levantar e ir até o banheiro, passar mal, cair no chão e não conseguir levantar nem pedir ajuda. Então, ter uma boa alimentação, e se manter sempre bem (com os pensamentos também) é algo fundamental se você quer morar sozinha. Faça essa gentileza com você e trate seu físico, mental e espiritual!

4- Selecione bem quem frequenta sua casa (e sua vida).

dica4.gif

Para mim, isso é muito importante, pois acredito que as pessoas têm energias e nem sempre é bom ter aquele entra e sai dentro de casa. E morar sozinha significa contratar serviços; internet, manutenção, encanador, etc.. então tive que começar a pedir indicações de pessoas que eu confiava para realizar os serviços na minha casa.

Eu nunca tive problemas com isso, já passaram alguns técnicos na minha casa que foram super respeitosos, a única vez que fiquei com receio, foi com uma moça que minha amiga chamou para limpar a casa, ela tinha uns papos bizarros (tipo que ofereceram dinheiro pra ela matar uma pessoa mas ela negou) então, ESCOLHA BEM quem frequenta sua casa e sua vida (cerque-se de gente do bem).

Na boa? Esse negócio de festa e chamar gente pra sua casa, vai ser bem mais difícil do que você imagina, no fim, você não quer todo aquele trampo de limpar as coisas. Quer muito mais paz do que ficar esquentando a cabeça.

DICA BÔNUS:

No começo você vai errar muito, errar feio; quando for no supermercado, quando contratar algum serviço, quando lavar roupa e manchar tudo, mas você vai aprender, aprender muito e morar sozinha é um constante aprendizado. E ta tudo bem errar, você é humano, aceite os fracassos mas não se apegue à eles. 

Por enquanto é isso. Com leveza e amor: Carol Rocha. ❤

12 comentários sobre “4 Lições valiosas que aprendi morando sozinha e levo pra vida.

  1. Alexandro disse:

    Tenho muito orgulho de vc minha querida sobrinha, pela mulher que se tornou ,capaz de enfrentar as dificuldades que a vida muita dás vezes nós proporciona , parabéns tio babão na área, te amo 💕❤️😘

    Curtir

  2. Amanda disse:

    Parabéns minha sobrinha linda!!! A vida é feita de experiências, o importante é sempre reconhecer o que errou e borá pra frente…

    O mundo é grande para quem pensa grande e pequeno para quem pensa pequeno… somos nós quem traçamos onde queremos chegar… Sucesso sempre!!! Te amo

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s