Arquivo da categoria: Morando Sozinha

5 coisas que ninguém te conta sobre morar sozinha(o)

Morar sozinha(o) não é nem de longe a tarefa mais fácil, mas o que mais me chamou atenção é que tudo que eu pensei que precisava saber, eu não precisava, e tudo que eu nem imaginava que precisa, eu tive que aprender.

Sabe aquelas coisas que a gente ouve falar por ai?: “Se você nem sabe cozinhar, como quer morar sozinha(o)?”, “Se você tem medo de matar barata, como quer morar sozinha(o)?”, “Você não lava nem seus pratos, não sobreviveria um dia morando sozinha(o)” Já ouviu alguma dessas frases ou similar? Eu ouvia todas e muito mais! Mas a real é que essas coisas se tornam apenas detalhes diante de tudo o que estava por vir, pois hoje, com google, dá pra se virar bem! Mas ninguém te fala sobre o outro lado da vida sozinha(o)! E é sobre isso que vamos falar

1- Tá realmente disposta(o) a assumir a responsabilidade?

Pois é, a vida quando se quer morar sozinha(o) se torna mais desafiadora. Todas as decisões são de sua responsabilidade. Mesmo que você ouça conselhos, a decisão continua sendo sua. Você tem que ir atrás de absolutamente tudo o que quiser fazer e é bom estar preparada(o) para os imprevistos que podem acontecer. É claro que, dependendo do seu caso, talvez você ainda possa contar com a ajuda de sua família, mas eu sempre tive uma coisa muito certa na minha cabeça: “Eu escolhi isso, eu irei arcar com a responsabilidade por mim mesma”. Não estou dizendo que a gente não pode pedir ajuda, claro que pode, e muitas vezes, até deve, mas isso não pode ser um hábito. Aprenda a resolver as coisas por si e arcar com as consequências de suas decisões.

2- Prepare-se emocionalmente para os dias de solidão e carência.

Esse tópico dava pra fazer um post só pra ele.
Tem dias (principalmente no começo) que a gente sente uma solidão enorme, é uma falta de nós mesmas(os) que parece que está faltando uma parte do nosso coração. Demorou pra eu entender a diferença entre solidão e solitude e como não deixar minha carência falar mais alto. Acabei por vezes me aproximando de pessoas que não me faziam bem, era só pura carência mesmo. Foi, e continua sendo um processo. Tem dias que da vontade de acordar e ter alguém ali, e tem dias que você ama acordar e estar só com os seus gatos. A vida é assim mesmo, aprenda a lidar com isso.

3- Aprenda a se organizar.

Minha musa inspiradora da organização! Marie Kondo ❤

Eu nunca fui muito bagunceira, mas também não era muito organizada quando morava com minha vó, mas hoje eu sou a organizada da turma! E eu amo organização! Quero em breve fazer posts falando mais sobre isso.
E isso não significa que eu seja a chata, louca, e que na minha casa tá tudo sempre organizado. NÃO, mas isso significa que TUDO, TUDO tem seu devido lugar, mesmo que não esteja lá no momento. O grande segredo da organização é que ela tem que se expandir para outras áreas da sua vida, você precisa ter as contas organizadas, registros, papelada, enfim, tudo o que for necessário. E o mais importante: organização te faz ter mais TEMPO e tempo é a coisa mais valiosa que nós temos hoje.

4- Errar e continuar, mas nunca parar.

Você vai cometer tantos erros que as vezes vai se sentir a pessoa mais tapada do mundo, mas me escuta bem: tá tudo bem! Eles estão te moldando e te ajudando a crescer, então ao invés de ficar de mimimi, perceba o que está aprendendo e bola pra frente! Isso vai passar.

5- É menos assustador do que parece.

Eu nunca vou me esquecer de todos os medos que eu tinha sobre morar sozinha: “como vou me sustentar?”, “e se não der certo?”, “o que eu vou comer?”, “como vou sobreviver?”. E posso falar? Depois de um tempo, você percebe que nada disso acontece. Pra ser bem sincera, o seu maior monstro estará dentro da sua própria mente, você terá que aprender a lidar com ela pra não enlouquecer. Com planejamento, ação e boa vontade você consegue realizar muitas coisas. Não é um bicho de sete cabeças por mais que muitas pessoas tentem te convencer do contrário, a real é que como seres humanos, nós sempre daremos um jeito. Tudo o que eu citei aqui, foram habilidades que eu fui desenvolvendo e que você pode desenvolver também 🙂

Ficou com alguma dúvida ou quer ver algo novo por aqui? Me manda nos comentário, eu vou amar!

Beijos, Carol ❤